Postagem em destaque

Elon Musk pode lançar seu próprio smartphone.

NO BALUR I STA NA NO KUNCIMENTI, PA KILA, NO BALURIZA KUNCIMENTI!... Elon Musk, o homem mais rico do mundo ainda tem um apetite voraz. Ap...

sexta-feira, 25 de março de 2022

Escravidão: Whoopi Goldberg pede desculpas à família real.

NO BALUR I STA NA NO KUNCIMENTI, PA KILA, NO BALURIZA KUNCIMENTI!...


A escravidão continua sendo um dos períodos mais sombrios da humanidade. Este tema foi discutido pela atriz americana Whoopi Goldberg no set do programa de televisão The View. O produtor, portanto, aproveitou a oportunidade para pedir à família real britânica que se desculpe pelas ligações históricas que tem com o tráfico de escravos. Durante sua intervenção, a atriz indicou que a Grã-Bretanha permaneceu na Índia por vários anos. Além disso, ela lembrou que o príncipe Charles pediu desculpas durante sua visita a Barbados.

O duque de Cambridge condenou a escravidão
“Olha, isso não é novidade. Suspeito que Charles, quando esteve em Barbados, teve uma ideia disso, porque se desculpou, sim, soltou o aperto da Grã-Bretanha ”, disse ela em particular. Observe que essas palavras da atriz americana de 66 anos vêm após a visita do príncipe William e sua esposa Kate Middleton à Jamaica. Durante esta visita, o duque de Cambridge condenou a escravidão, descrevendo-a como “odiosa”. "Isso nunca deveria ter acontecido", disse ele. O filho do príncipe Charles não deixou de expressar sua tristeza pelos milhões de pessoas transportadas à força da África para o Caribe e a América do Norte.

Como lembrete, essas observações ocorrem quando a Jamaica quer se separar da coroa britânica. Esta informação havia sido confirmada por uma fonte do governo para a mídia Good Morning Britain. “Falei com uma fonte dentro do governo do primeiro-ministro que me disse que assim que eles saíssem, a Jamaica iniciaria o processo de impeachment da rainha como chefe de Estado”, disse um jornalista britânico. O processo será lançado a partir do final da visita do duque e da duquesa de Cambridge ao Caribe, muito contestada na Jamaica.

fonte: lanouvelletribune.info

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é sempre bem vindo desde que contribua para melhorar este trabalho que é de todos nós.

Um abraço!

Samuel

Total de visualizações de página