Postagem em destaque

Tchad: JULGAMENTO DE ATIVISTAS DE OPOSIÇÃO NO CHADE - Deby filho quer afogar o peixe na água

NO BALUR I STA NA NO KUNCIMENTI, PA KILA, NO BALURIZA KUNCIMENTI!... É um julgamento extraordinário e maratona que começou em 29 de novem...

domingo, 16 de outubro de 2022

Ho Chi Minh. 50 anos após a morte, corpo mantém-se preservado.

NO BALUR I STA NA NO KUNCIMENTI, PA KILA, NO BALURIZA KUNCIMENTI!...
Cumpre-se esta segunda-feira meio século sobre a morte do histórico líder do Vietname, que ainda hoje é o "Tio Ho" para os vietnamitas. A sua vontade era ser cremado, mas os seus sucessores decidiram embalsamá-lo. speram-se esta segunda-feira filas mais compactas e extensas junto ao mausoléu onde está em exposição, em Hanói, o corpo embalsamado do antigo presidente e líder histórico vietnamita, que morreu há meio século, aos 79 anos, em plena guerra do Vietname. No seu testamento, Ho Chi Minh deixou indicações precisas acerca do seu próprio funeral. Queria ser cremado e as suas cinzas deviam ser espalhadas em diferentes pontos do Vietname - norte, centro e sul -, num ato simbólico da unidade territorial do país. Não o entenderam assim os líderes que lhe sucederam no Vietname do Norte comunista, que, à revelia da sua vontade, decidiram embalsamá-lo para poderem expô-lo como símbolo da nação, que apenas haveria de ser unificada mais tarde, quando os tanques do Norte, suportado pelo bloco comunista, entraram no Vietname do Sul, apoiado pelos Estados Unidos. Logo após a morte de Ho Chi Minh, o seu corpo foi embalsamado por peritos da ex-União Soviética, antiga potência comunista que tinha a mesma prática em relação aos seus próprios líderes falecidos, a começar por Lenine, cujo corpo assim preservado se mantém ainda hoje exposto num monumento fúnebre na Praça Vermelha, no coração de Moscovo. Passado meio século sobre a morte de Ho Chi Minh, o seu corpo embalsamado mantém-se bem preservado, informa a imprensa vietnamita. Em junho, na antecipação do cinquentenário da morte de Ho Chi Minh, as autoridades do país criaram um conselho especial integrado por cientistas nacionais e russos que teve por missão fazer o diagnóstico do estado de preservação do corpo do seu antigo líder, e o veredicto foi positivo. Ao longo dos anos, o Vietname manteve com a União Soviética e, posteriormente com a Rússia, na sequência do colapso do bloco comunista, um acordo para a manutenção do corpo cujos pormenores nunca foram tornados públicos. Esse secretismo acabou por alimentar no país uma série de rumores díspares, que tanto dizem que o corpo em exposição não é o de Ho Chi Minh, como ele todos os anos viaja secretamente até à à Rússia para ali ser sujeito a novos tratamentos a fim de se manter preservado. Certo é que o mausoléu de Ho Chi Minh é visitado por muitos milhares de vietnamitas que ali vão prestar homenagem ao seu "Tio Ho". No cinquentenário da sua morte, são esperadas ainda mais visitas. https://www.dn.pt/mundo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário é sempre bem vindo desde que contribua para melhorar este trabalho que é de todos nós.

Um abraço!

Samuel

Total de visualizações de página