Postagem em destaque

Ucrânia: Lula se recusa a entregar munição para tanques.

NO BALUR I STA NA NO KUNCIMENTI, PA KILA, NO BALURIZA KUNCIMENTI!... O governo brasileiro se opôs ao pedido da Alemanha de entrega de mun...

terça-feira, 16 de abril de 2013

Explosões em Boston são um hediondo e covarde ato de terror, diz Obama.

NO BALUR I STA NA NO KUNCIMENTI, PA KILA, NO BALURIZA KUNCIMENTI!...

Em nova declaração, o líder americano disse que não está claro quem está por trás das explosões que deixaram três mortos e mais de 170 feridos na Maratona de Boston.


Em nova declaração, Obama disse que ainda não se sabe quem está por trás das explosões Foto: Reuters

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, voltou a afirmar que as autoridades que investigam as explosões na Maratona de Boston ainda não têm pistas sobre quem é o responsável por aquilo que ele classificou como um "hediondo e covarde ato de terrorismo". Em declaração à imprensa nesta terça-feira, Obama também elogiou o comportamento dos cidadãos de Boston, dizendo que é assim que os "americanos respondem ao mal". 
"Não está claro se quem está por trás das explosões são estrangeiros, americanos ou um indivíduo com más intenções", afirmou o líder americano, para em seguida dizer que assim que o FBI ou outros órgãos responsáveis pela investigação souberem de algo, os americanos logo serão informados. Obama também pediu para que os americanos sigam vigilantes e avisem as autoridades para qualquer atividade suspeita.
O presidente afirmou novamente que quem quer que tenha cometido os ataques será levado à justiça, e ressaltou que os Estados Unidos não serão intimidados pelo terrorismo. "Os americanos se recusam a ficar aterrorizados", disse.
Três pessoas morreram, entre elas um menino de 8 anos, e mais de 170 ficaram feridas quando duas bombas explodiram em um intervalo de pouco mais de dez segundos nas proximidades da linha de chegada da Maratona de Boston, uma das mais tradicionais do mundo, na terça-feira. 
"O que eu apresentei a vocês é o que nós sabemos. Nós sabemos que bombas foram detonadas. Nós sabemos que, obviamente, elas causaram um dano severo. Não sabemos quem as fez", indicou. "Não temos uma ideia da motivação ainda. Então todo o resto neste momento é especulação", concluiu Obama.
Obama iniciou seu curto pronunciamento dizendo que o pensamento dos americanos está com as  vítimas dos ataques e elogiou os serviços de primeiros-socorros, os médicos que atenderam os feridos nos hospitais, os padres que abriram suas igrejas e os cidadãos de Boston que ofereceram suas casas para os participantes da prova. "Vocês querem saber como nós respondermos ao mal? Aí está", disse o líder americano. 
Imagem - o Local de explosões isolado para investigações.
fonte: terra.com.br

Total de visualizações de página