Postagem em destaque

BAMAKO E IYAD ENGAJADOS NA MESMA LUTA CONTRA EIGS NO MALI: Cuidado com o efeito bumerangue!

NO BALUR I STA NA NO KUNCIMENTI, PA KILA, NO BALURIZA KUNCIMENTI!... Há poucos dias, foi em Menaka que foi visto ao lado de notáveis ​​tu...

quinta-feira, 18 de abril de 2013

Dispositivo português diz tipo de sangue em minutos.

NO BALUR I STA NA NO KUNCIMENTI, PA KILA, NO BALURIZA KUNCIMENTI!...

Dispositivo português diz tipo de sangue em minutos


Uma jovem portuguesa criou um dispositivo capaz de identificar o tipo sanguíneo em apenas cinco minutos, uma solução que poderá ser de ouro em cenários de emergência e catástrofe. A invenção valeu a Ana Ferraz a vitória na Final Nacional da Imagine Cup 2013, a maior competição tecnológica à escala mundial dirigida a estudantes universitários.
 
O projeto "For a Better World" ("Por um Mundo Melhor", em português), desenvolvido pela aluna de doutoramento da Universidade do Minho, que agora representará Portugal na Final Mundial da prova, na Rússia, materializa-se num dispositivo portátil que permite, de forma automática e em sensivelmente cinco minutos, detetar o grupo sanguíneo.
 
Este sistema, que se baseia na tecnologia Visual Studio 2012 e que, segundo a Microsoft Portugal, "promete ser uma aposta forte na final mundial da competição", disponibiliza informações precisas que pretendem auxiliar profissionais de saúde em situações de emergência, reduzindo os riscos de incompatibilidade, nomeadamente em transfusões.
 
O dispositivo apresenta uma metodologia de determinação do grupo sanguíneo inovadora, mais rápida, mais simples e menos dispendiosa em comparação com os métodos tradicionais, podendo contribuir para a resolução de problemas como a celeridade na obtenção dos resultados, decisiva para a adequação do tratamento em emergências.
 
Outra vantagem da invenção de Ana Ferraz é a sua "portabilidade", já que pode ser transportado de forma simples, contrariamente aos dispositivos atuais, o que facilita a utilização em diferentes contextos.
 
De realçar que este equipamento possibilita ainda a análise e a realização de outros testes de pré-transfusão sanguínea, por meio dos quais é possível detetar a presença de antigénios no sangue do paciente e perceber que possíveis incompatibilidades podem existir no processo de transfusão, reduzindo a possibilidade de erro humano associada.


 
Esta segunda-feira, a estudante da Universidade do Minho conquistou, com este dispositivo, o primeiro prémio na final nacional da Imagine Cup, no valor de 3.000  euros, na categoria "Cidadania", e a oportunidade de representar o nosso país na "finalíssima" internacional da competição, que decorre, entre 8 e 11 de Julho, em São Petersburgo, na Rússia.
 
No total eram 10 os projetos portugueses a concurso na Imagine Cup. Tiago Fernandes, aluno da Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto (FEUP), garantiu o segundo lugar ao vencer na categoria "Inovação" com uma plataforma - a Taggeo - que permite que utilizadores de telemóveis troquem mensagens geolocalizadas.
 
A completar o pódio ficou o projeto de uma equipa de estudantes da Universidade da Beira Interior, que ganhou na categoria "Jogos" com o desenvolvimento do jogo de plataformas Kieran's Journey, revelou a Microsoft Portugal.
 
Notícia sugerida por Andreia Melo


fonte: http://boasnoticias.sapo.pt

Mubarak é transferido de hospital militar para prisão no Egito.

NO BALUR I STA NA NO KUNCIMENTI, PA KILA, NO BALURIZA KUNCIMENTI!...

Khaled Elfiqi/Efe

Reuters
O presidente deposto do Egito Hosni Mubarak foi levado de volta para a prisão de um hospital do Exército, nesta quinta-feira, depois de parecer bem de saúde na audiência cancelada de seu julgamento sobre a acusação de cumplicidade no assassinato de manifestantes em 2011.
Centenas de partidários do ex-presidente bloquearam a rua em frente ao hospital, na noite de quarta-feira, atrasando a transferência, disse a agência de notícias estatal Mena.
"Nós te amamos Mubarak" e "Abaixo, abaixo o regime da Irmandade Muçulmana", gritavam os manifestantes, referindo-se ao grupo do novo presidente Mohamed Mursi.
O julgamento de Mubarak vai recomeçar em 11 de maio, informou um tribunal de apelações do Cairo nesta quarta-feira. A primeira tentativa fracassou no sábado, quando o juiz se retirou do caso e o remeteu para outro tribunal.
O juiz Mustafa Hassan Abdullah havia sido amplamente criticado por absolver seguranças acusados de atacar manifestantes num incidente em que multidões foram atacadas por homens montados em camelos durante o levante de 2011 que derrubou Mubarak.
Muitos egípcios ficaram furiosos quando Mubarak, de 84 anos, que estava gravemente doente no ano passado, apareceu em boas condições de saúde, sorrindo e acenando para o público no tribunal, no sábado, e houve apelos para que ele fosse enviado de volta para a cadeia.
O gabinete do procurador-geral disse que tinha decidido que Mubarak seria devolvido à prisão Torah, nos arredores de Cairo. Mubarak foi levado de carro do Hospital Militar Maadi para a prisão em um comboio da polícia fortemente vigiado nesta quinta-feira, informou a Mena.
(Reportagem de Shaimaa Fayed, Maggie Fick e Ahmed Tolba) 


Os Netos de Madiba argumentam que eles não são "avarentos", mas estão determinados a cruzar espadas na justiça.

NO BALUR I STA NA NO KUNCIMENTI, PA KILA, NO BALURIZA KUNCIMENTI!...

Billets de banque à l'effigie de Mandela, novembre 2012 / REUTERS


Os netos de Nelson Mandela emitiram um comunicado nesta quinta-feira criticando a forma como a mídia noticiou uma disputa sobre o legado do primeiro presidente negro da África do Sul, dizendo que a família do grande homem não está unida.

"Temos observado com consternação as insinuações e mentiras divulgadas recentemente contra as nossas mães e calúnias contra tias. (...) Nós também vimos como o advogado Bizos e o ministro Sexwale tentaram usar os meios de comunicação sul-Africanos e de retratar os membros da família como insensíveis, desprovidos de respeito pelo nosso avô ", dizem os netos em um texto divulgado à imprensa.

Briga pública

Os Mandelas fazem referência a uma disputa divulgada na semana passada pela imprensa sul-Africana, em torno da gestão de dois fundos pertencentes ao Nobel da Paz, representando US $ 1,7 milhões no total.

As duas filhas de Nelson Mandela, agiram em nome da família, entrando com uma ação de despejo de três pessoas, incluindo o famoso advogado George Bizos, amigo do ex-presidente Sul-Africano, na gestão destes fundos de investimento.

Makaziwe e Zenani, as filhas, afirmam que o advogado George Bizos, e o ministro da Habitação Tokyo Sexwale e outro advogado são impossados como os diretores de harmonioso Investimento Holdings e do magnífico Investmento Holdings. Os três homens alegaram que foram nomeados pelo próprio Nelson Mandela.

Aos 94 anos, o herói nacional não é mais capaz de decidir sozinho.

"Não é uma grande quantidade de dinheiro"
A ação de Makaziwe e Zenani "não é uma questão de dinheiro, mas sim, exploração do nome do Mandela", dizem os herdeiros, em seu comunicado à imprensa:

"Esta ação visa ao contrário corrigir as anomalias de funcionamento e administração das duas empresas."

Filhas de Mandela não dão detalhes sobre as "anomalias" em questão.

"Teríamos preferido resolver a questão em particular com a família", acrescentou o comunicado. As duas irmãs e seus advogados "têm feito inúmeras tentativas nos últimos anos para resolver o problema sem recorrer ao tribunal, e para evitar que o caso se tornasse público. Mas, dada a confusão esmagadora, a nossa família não tinha escolha a não ser ir ao tribunal ".

A Imprensa do fim de semana, em particular, fez chamar atenção nesse negócio, jogando o amor dos sul-africanos, que eles chamam de "Madiba". Os jornais têm tentado mostrar que a discussão era sobre o controle de "milhões de Madiba" e que sua família já está disputando a herança, mesmo antes de sua morte.

Nelson Mandela passou 10 dias no final de março e início de abril no hospital para tratamento de pneumonia. De acordo com sua esposa Graça Machel entrevistada segunda-feira, disse que ele está bem.

AFP

Total de visualizações de página